ONLINE
11




Partilhe esta Página

s

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Agentes da Cidadania do CCJ em ação
Agentes da Cidadania do CCJ em ação

Eles promoveram brincadeiras lúdicas para alunos do CMEI Helena Kolody na Área 2

FONTE: PMTB

df

2018-03-02 às 00:47:42) Os agentes da cidadania que integram o Centro de Convivência da Juventude (CCJ) desenvolveram no dia 23 de fevereiro (sexta-feira) um trabalho orientado com os alunos do CMEI Helena Kolody, no Parque Limeira Área 2.

O objetivo do Bolsa Agente de Cidadania é oportunizar a participação social e cidadã dos adolescentes e jovens, com idade entre 14 e 18 anos incompletos que se encontram em situação de vulnerabilidade e risco social, bem como favorecer sua inclusão sociocultural.

O adolescente deverá empregar 10 horas semanais no planejamento, execução, elaboração de relatórios de atividades de convivência e formação para a cidadania, voltadas para crianças e adolescentes na mesma condição social.

A seleção destes agentes, que somam um total de 18, é realizada pela assistente social Marcela Massoquette,  e o adolescente precisa executar uma ação e não apenas participar de uma atividade.

De acordo com a professora Roseli Pistori Machado, coordenadora do CCJ, o objetivo desta atividade foi levar uma série de brincadeiras lúdicas aos alunos.

O material utilizado na programação com os alunos do CMEI foi preparado pelos agentes, neste caso supervisionados pelo professor Auriérico da Silva.

“Ficamos muito satisfeitos com a participação de nossos agentes interagindo com a comunidade escolar. A diretora do CMEI, professora Nilce, gostou bastante da iniciativa”, informa a professora Roseli.

Várias atividades foram trabalhadas pelos agentes de cidadania com os alunos do CMEI Helena Kolody, entre elas: pintura de rosto, estímulo para as crianças cantarem  as canções como “Tomatinho Vermelho”, “A formiguinha que foi ao supermercado”, além de cantarem desenvolveram a coordenação motora. Coreografias através da “brincadeira cada um na sua cadeira” e História da Serpente, uma música com gesto. “A cobra não tem pé”, trabalhou música com gestos e finalmente brincadeira com bolinhas, lenço atrás, e “Coelho sai da toca”.

Outro grupo de agentes deverá realizar ações em CMEIs do município, assim como já aconteceu com os idosos do Aliso São Vicente de Paulo.

Para a professora Roseli o trabalho é gratificante. “É maravilhoso esses jovens participarem do dia a dia no CCJ e cumprir as etapas do projeto. Eles nos auxiliam na confecção de materiais para serem usados fora do Centro da Juventude, interagem com os professores e com os jovens, é muito rico este projeto”, finaliza a coordenadora, professora Roseli Pistori  Machado.

O Centro de Convivência da Juventude é administrado pela Prefeitura de Telêmaco Borba através da Secretaria Municipal de Assistência Social.