ONLINE
10




Partilhe esta Página

D

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Áre 6 (Jardim Progresso) ganhará calçamento
Áre 6 (Jardim Progresso) ganhará calçamento

Convênio com  a Caixa foi assinado nesta sexta-feira, libera recursos do PAC 2

Foi assinado no final da manhã desta sexta-feira (25) um convênio com em parceria do Governo Federal com o município de Telêmaco Borba, via Caixa, com recursos de R$ 5.656.620,00 do Programa de Aceleração do Crescimento, fase 2, o PAC 2, que garantirão o calçamento de todas as ruas da Área 6, o Jardim progresso. Representou a Caixa - agente federal que vai liberar a verba para o município, o gerente regional, Júlio César Goginski.

Júlio explicou que trata-se de um empréstimo com prazo de 20 anos para ser saldado. “Um BNH da pavimentação”, exemplificou ele, que frisou que Telêmaco foi um dos sete municípios contemplados, dos 60 que fizeram os pedidos, mostrando isso a seriedade administrativa existente na administração. O secretário de Obras, Denis Gibson, usando a palavra na cerimônia disse que essa é uma vitória de todos os moradores. “Trata-se da resposta de um trabalho plantado e do compromisso de toda uma equipe”. O vereador Maurício de Castro, vice-presidente da Câmara e representante eleito do bairro beneficiado, disse que se Telêmaco não tivesse feito o dever de casa, esse recurso não seria possível. Altamir Ramos, secretário geral de gabinete, destacou que por um trabalho político foi possível um acordo e que a Sanepar antes fará seu serviço de saneamento básico e galerias pluviais para que em seguida venha à obra ora conquistada. Essa medida junto à Sanepar foi também elogiada pelo vice-prefeito, pastor Dã Cortez.

pa           pac

pac

 

Ao falar de mais um importante ato do Executivo, Luiz Carlos Gibson citou que os recursos já estavam disponíveis, mas era necessário um intenso processo burocrático para sua liberação. Ele, em tom de desabafo, expressou que sua administração por vezes, tem sido feita, debaixo de críticas, mas muitas vezes por pessoas que não sabem das dificuldades para se aprovar uma decisão. “Queria levantar toda manhã e pavimentar toda Telêmaco Borba, mas a burocracia não deixa!”.

Escute abaixo, a entrevista de Gibson e do vice-presidente da Câmara, Maurício Diógenes de Castro.