ONLINE
7




Partilhe esta Página

d

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Deficientes nas filas de caixas de supermercados
Deficientes nas filas de caixas de supermercados

Procon de TB tem feito constante fiscalização se prioridade vem sendo obedecida

pr

Um caso de reclamação de um cliente com necessidade especial em relação a um supermercado, que foi levado ao Procon de Telêmaco Borba, reacende a questão se os direitos das pessoas com necessidades especiais estão se fazendo valer na cidade.

O Oberekando mostrou em matéria anterior que as vagas de estacionamento, não só para os portadores de deficiência, mas também para idosos, são ocupadas com frequência por condutores que nada tem a ver com esse grupo. Inclusive por vezes, carros oficiais, como foi o caso de um da Copel, com pessoas do escalão administrativo em frente à Caixa, recentemente.

Na vitória conseguida pelo consumidor desta feita, a atuação do Procon foi imediata e contou com toda a prestatividade deste órgão, no caso. A reclamação foi pela falta de prioridade no atendimento nos caixas de um supermercado da cidade. Ricardo Morbi, que coordena o Procon em Telêmaco explicou que na audiência, “ os responsáveis pelo estabelecimento já comunicaram que fora feita a regularização dessa forma de atendimento”.

Vale lembrar que nos casos como esses, as prioridades são ara as pessoas com necessidades especiais, idosos, gestantes e mães com crianças de colo. Isso atende a Lei 1776, Decreto 18.873, do dia 28 de junho de 2012. Além disso, existem outras citações em Lei para o caso.

 

Leia também: 

- Dicas para o consumidor

- Procon de Telêmaco Borba alerta aos cuidados durante e pós-compras

Estacionamento para idosos e deficientes é tomado por demais condutores