ONLINE
12




Partilhe esta Página

ACITEL

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Estado afirma que Hospital funcionará em março

As obras devem ser finalizadas até o último dia de fevereiro

 

2017-12-16 às 03:17:14) O chefe de Estado da Casa Civil do Paraná, Valdir Rossoni, que é também deputado federal, ao lado de Edgar Bueno como secretário para Assuntos Estratégicos do Estado, acompanhado dos deputados Sandro Alex e Alexandre Curi, fez uma visita de inspeção às obras de finalização do Hospital Regional de Telêmaco Borba, sendo recepcionados pelo diretor da 21ª Regional de Saúde, Roberto Amatuzzi Franco.

Ao comentar do sonho antigo que é essa obra, Rossoni disse que veio verificar o que está faltando e que serão tomadas medidas que foram sentidas, necessárias, para que se tenha agilidade na entrega.

Sandro Alex disse da prioridade do local para a cidade e região e que se quer o funcionamento dele no mês de março, “e vamos nos empenhar para isso. Estou passando a vocês esta informação, junto com as autoridades que representam o governo Beto Richa, de que a decisão é de que isso aqui tem que ficar pronto até o último dia de fevereiro”.

Alexandre Curi também lembrou do prazo já falado para a inauguração, e para isso, alguns detalhes que precisam ser revolvidos, bem como alguns aditivos “que a nossa Procuradoria Geral do Estado deve encaminhar nessa semana. O governador está retornando de viagem e vamos, se Deus quiser, depois de um grande período, inaugurar esse grande hospital para Telêmaco”.

Por sua vez, Amatuzzi, que juntamente com os vereadores Élio Cesar Fubá, Eliz Saldivar e Hamilton Machado, falou ao Oberekando, acrescentou o fato do projeto inicial da obra não ter contemplado às UTIs e principalmente as neonatais, e que agora sim, “vão diminuir drasticamente, sensivelmente, as transferências das crianças”. Roberto finalizou: “O governador Beto Richa não está construindo um hospital para a próxima eleição... ele está deixando um hospital pras próximas gerações!”.