ONLINE
4




Partilhe esta Página

a

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Klabin agracia mão de obra local no Projeto Puma
Klabin agracia mão de obra local no Projeto Puma

 80% do total dos trabalhadores da nova fábrica são do Paraná. Destes, 68% são de Telêmaco Borba, Ortigueira e Imbaú 

FONTE: KLABIN

FDD

A Klabin vem mantendo na prática o compromisso de priorizar a contratação de mão de obra local para a construção da nova fábrica de celulose da empresa. Em setembro, 80% dos trabalhadores do Projeto Puma eram do Paraná. Destes, 68% eram de Ortigueira, Telêmaco Borba e Imbaú.

Rosimara Camargo Antunes, 27 anos, é uma entre os 769 alunos que se formaram em diversas áreas e já estão trabalhando na obra da Klabin. Rosimara é moradora de Ortigueira e vive com a filha de três anos no Jardim Alvorada. Há um ano, ela concluiu o curso de camareira. Agora está trabalhando no residencial que está sendo construído na cidade para abrigar os trabalhadores de outras regiões. “Quando soube que o Projeto Puma viria, pensei que poderia ter uma oportunidade de emprego e fui procurar uma maneira de me qualificar. Estou feliz por ter dado tudo certo e estar trabalhando no residencial”, comemora.

Os resultados positivos têm sido impulsionados pela proposta da Klabin de qualificar a mão de obra local por meio de parcerias com instituições como o Senai/Senac e a Faculdade de Telêmaco Borba (Fateb). Atualmente, os cursos técnicos do Pronatec estão com 16 turmas abertas, 595 vagas preenchidas e 99% de eficácia de captação de novos interessados.

“A captação de profissionais do Estado traz muitas vantagens para as empresas e para os trabalhadores, como a facilidade de adaptação e o fortalecimento da economia da região, sem falar no orgulho de ajudar na construção do maior investimento privado da história do Paraná”, afirma Sales Bueno, gerente de Gente & Gestão do Projeto Puma.

A construção da nova fábrica da Klabin também está incentivando as prefeituras a disponibilizar diversos tipos de cursos de capacitação para a população. Em Telêmaco Borba, por exemplo, a Secretaria Municipal do Trabalho e Indústria Convencional (SMTIC) lançou em outubro 11 cursos de gastronomia com aulas práticas em cozinha industrial. “A procura por cursos profissionalizantes tem sido frequente e a Secretaria tem encaminhado vários pedidos de abertura de novas vagas ao Pronatec.

Serviço

Para trabalhar nas obras do Projeto Puma, os interessados devem ir à Agência do Trabalhador do seu município e se cadastrar para as vagas abertas e para aquelas que devem abrir nos próximos meses.  Nas Agências do Trabalhador, o candidato receberá toda a orientação para o preenchimento do cadastro. É importante levar documentos pessoais como carteira de trabalho, RG e CPF.

 

Leia Também:

Klabin: 80 anos de Paraná e investimento recorde