ONLINE
6




Partilhe esta Página

d

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


KLABIN: EBITDA DE R$ 461 MILHÕES TEM 9% DE ALTA
KLABIN: EBITDA DE R$ 461 MILHÕES TEM 9% DE ALTA

O percentual com significativo salto é em relação ao mesmo período trimestral do ano passado

FONTE: KLABIN

er

 EBITDA acumulado dos últimos 12 meses atinge R$ 1,7 bilhão e marca o 15º trimestre consecutivo de crescimento da companhia

 

27-04-2015 às 20:51:04) No primeiro trimestre do ano, a receita líquida alcança R$ 1,3 bilhão, crescimento de 9% na comparação com o mesmo trimestre do ano passado;

A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis para embalagem do País, encerra o primeiro trimestre do ano com o EBITDA ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 461 milhões, um aumento de 9% em relação ao mesmo período de 2014. No acumulado dos últimos 12 meses, O EBITDA atingiu R$ 1,7 bilhão, o que representa o 15º trimestre consecutivo de crescimento da companhia. A receita líquida avançou 9% na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior e atingiu R$ 1,3 bilhão. Já o volume de vendas foi de 437 mil toneladas nos três primeiros meses do ano, das quais 33% foram destinadas ao mercado internacional.

Mesmo com um volume de produção estável em relação ao primeiro trimestre de 2014 e forte pressão de custos devido à conjuntura econômica brasileira, a Klabin se beneficiou de sua flexibilidade para atuar em diferentes cenários, de seu mix de produtos e da resiliência dos mercados em que atua para manter sua trajetória de crescimento sustentável.

INVESTIMENTOS

A Klabin investiu R$ 1 bilhão no primeiro trimestre deste ano. O Projeto Puma, nova fábrica de celulose da Klabin em construção na cidade de Ortigueira (PR), recebeu R$ 880 milhões e segue o cronograma previsto, com 58% das obras concluídas. Do montante total, R$ 59 milhões foram destinados à continuidade operacional das fábricas, R$ 21 milhões foram direcionados às operações florestais e R$ 40 milhões foram aplicados em projetos especiais e expansões da capacidade.

Outro destaque do período foi a inauguração da nova máquina de papel reciclado na Unidade Goiana (PE), que iniciou sua operação em fevereiro. A ampliação triplica a capacidade de produção da fábrica, saltando das atuais 50 mil toneladas de papel por ano para 160 mil toneladas por ano, e reforça a presença da Klabin na Região Nordeste, que tem apresentado crescimento no consumo em setores importantes para o mercado de embalagens como alimentos industrializados, fruticultura e construção civil.

A Klabin iniciou em abril a reforma da máquina de papéis de Piracicaba (SP), que vai adicionar 15 mil toneladas por ano de papel reciclado à operação da Unidade.

 

RESULTADOS we

Sobre a Klabin    

A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do Brasil, é líder na produção de papéis e cartões para embalagens, embalagens de papelão ondulado, sacos industriais e madeira em toras. Fundada em 1899, possui atualmente 14 unidades industriais no Brasil e uma na Argentina. Está organizada em três unidades de negócios: Florestal, Papéis (papelcartão, papel kraft e reciclados) e Conversão (papelão ondulado e sacos industriais).

Toda a gestão da empresa está orientada para o Desenvolvimento Sustentável, buscando crescimento integrado e responsável, que une rentabilidade, desenvolvimento social e compromisso ambiental. A Klabin integra, desde 2014, o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), da BM&FBovespa. Também é signatária do Pacto Global da ONU e do Pacto Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo, buscando fornecedores e parceiros de negócio que sigam os mesmos valores de ética, transparência e respeito aos princípios de sustentabilidade.

Saiba mais em www.klabin.com.br