ONLINE
1




Partilhe esta Página

d

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


O céu ganha um“Figura” e Mandaguari perde um filho
O céu ganha um“Figura” e Mandaguari perde um filho

Homenagem póstuma a um pai, amigo e irmão, telêmacoborbense.

 

DE: EDIVALDO OBEREK (Gazeta Regional de 1996 a 2007)

 

dasd

10-10-2014 às 15:36:52) Mesmo que tenha nascido em Telêmaco Borba, por coincidência, minha cidade natal, Antônio Marmo Bittencourt era mais que nunca, um apaixonado por Mandaguari. Mas, eu e esse formidável coração, nos encontramos quando fui, pela primeira vez, levar junto com Pelé as matérias da semana da Gazeta Regional, ainda escritas em laudas, em 1996.

Tal a surpresa ao encontrar aquele proprietário da Gazeta Regional tão amigo, sorridente, e me chamando de guri. Tudo certo, até eu falar minha idade. Lembro que ele brincou: Tá velhinho, ein? Mas eu também estou e somos iguais vinho!”.

Mandaguari perde hoje um filho por adoção, mas nosso querido Figura sempre estará em nossos corações. Sua forma era sem igual! Amigos que ele honrou em época política, por exemplo, e que literalmente os viraram as costas, podem ter pensado de tudo... mas certamente que o fizeram a um pessoa que quando esses precisavam: lá estava Figura! Homem de fácil perdão!

Eu, sendo de Telêmaco, tive nele todo incentivo a estudar mais e mais... após fazer Geografia na Fafijan, fato inclusive que me fez morar no Vale do Ivaí, já comecei Jornalismo. Obrigado querido amigo! Já havia perdido meu pai, e por vezes, assim como fazia com Pelé, fiz alusão a você como sendo esse singular em minha vida, pela força que me deu!

Como se fosse hoje, me lembro minha primeira matéria com André De Canini pela Gazeta, indo fotografar, e eu, como repórter: Foi na Cooperval. Ali, conheci também esse amigo (André) que, assim como eu, não nega e jamais negará gratidão a você, amigo, que já está na Glória de Deus! Sempre temente a Deus, era generoso com os pedintes que via que necessitavam...tinha um coração que se derretia a ver crianças pedindo algo para comer!

Não preciso aqui me delongar, mas sim, agradecer aos filhos de Figura, mas tenho medo de esquecer algum nome pelo tempo que já se passou entre eu e Gazeta: Amélia, Victor, Marcelo e Felipe! Obrigado à esposa, dona Suely: por bondade de vocês que eu estive 10 anos na Gazeta Regional. Por bondade de Figura!

Se hoje tenho meu site www.oberekando.com.br é porque um dos primeiros a me estimular, foi nosso querido Antônio Marmo Bittencourt.

Quem ler este artigo pode até estranhar e se perguntar: “Mas o Oberek tem atribuído a muita gente o fato de ser jornalista. Seria ele falso ou bajulador?”. A resposta vem em homenagem ao Figura e no linguajar amigo dele: “É O SEGUINTE GAROTO... É O SEGUINTE GURI: NUNCA DEIXE DE VALORIZAR AS PESSOAS QUE TE AJUDARAM. HOJE A GENTE ESTÁ POR CIMA E AMANHÃ SÓ DEUS SABE!”.

Quanto a Telêmaco, era bonito ele dizer aos seus amigos de sua cidade natal. “A propósito, o Figura era natural daí de Telêmaco Borba. Ele costumava brincar que nasceu na terra do papel e trabalhava com papel (papelaria e jornal)”, disse, consternado, o jornalista e publicitário André De Canini. É com este sorriso que meu querido amigo Figura fica gravado em minha memória e em minha gratidão!

sdf