ONLINE
10




Partilhe esta Página

DFF

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Obrigado ao Folha da Cidade
Obrigado ao Folha da Cidade

Gratidão à Cleverson Ribeiro Damião por me reinserir no Jornalismo

 

Artigo: por Edivaldo Oberek

 

Tudo o que acontece tem um propósito. Tendo eu exercido minha profissão por 10 anos anteriormente, em Jandaia do Sul, como assessor de imprensa na Fafijan e ao mesmo tempo, jornalista na Gazeta Regional de Mandaguari, parei tudo por uma pausa num país de língua inglesa. Escolhi a Irlanda por lá, poder estar legal enquanto estudante (de inglês, mas numa escola normal e nada de universidade, como infelizmente, é muito normal à pessoa mentir para querer fazer certo status de sua estadia no exterior).

Quando retornei, esperei por aulas, e fiquei preparando-me. Acabei abrindo uma lavanderia que foi a bancarrota.

Ai entra o “Folha da Cidade” e o proprietário desse impresso, Cleverson Ribeiro Damião.

Como eu, recém-convertido na igreja evangélica, tinha de certa forma, falado a mim mesmo não mais atuar no jornalismo, para não cometer certas práticas que destoavam a fé da profissão, percebi que foi imaturo o julgamento adeus à mídia, e porque não até mesmo dizer: do alto investimento no curso em faculdade particular, e lá (Folha) fiquei por cinco meses. Importante lembrar aqui também meu caro amigo Orlando Galvão na Rádio Vale do Tibagi: primeiro lugar que dei o ar da graça como Jornalista! Lhe sou muito grato também!

Diferenças de opinião me fizeram deixar o Folha da Cidade, mas isso, não sem antes, ter por esse impresso, a gratidão de ter me dado a chance de voltar a exercer a minha profissão.

Depois de graduado em Jornalismo, sabiam as pessoas de minha cidade e me reconheciam como jornalista, de certa forma aqueles que estudavam na Fafijan e daqui eram. Outro momento que fui me firmando na profissão foi quando, como assessor de imprensa da Fafijan, cheguei a fazer certa ponte nas reuniões entre Carlos Hugo, vereadores e até mesmo grupos de serviços da cidade que sediavam reuniões onde era debatida a necessidade de uma faculdade própria para Telêmaco. Senti-me feliz pela instalação na cidade de uma extensão da Fafijan! Porém a notícia não foi bem essa! Tratou-se no fritar dos ovos, de uma faculdade particular, onde depois de instalada, seu proprietário simplesmente deu as costas a muitos. Como jornalista, tenho por OBRIGAÇÃO MORAL dar minha contribuição ao município. E o Folha e seu proprietário, amigo Cleverson Ribeiro Damião, me ajudou a isso! Sou-lhe muito grato: sou muito grato pela amiga e gerente do jornal, Sandra, e o super diagramador Leandro Luna: esses foram os primeiros amigos quando lá cheguei. Aos familiares de Cleverson: acabamos por formar uma família! Por fim, a querida amiga Brenda e Maiari

Mas, preciso aqui, agradecer á Cleverson, pela ideia primeira que me deu, quando cogitamos minha saída, de que eu montasse um site! Pois bem: Já posso dizer, na graça de Deus, que deu certo: Pelo menos descobri que conteúdo existe... tenho apenas que melhorar a concepção das pessoas que investir em marketing de empresas, nesses meios, também é de muito valoroso! Sem delongas: Obrigado, de coração, Cleverson, por ter me reinserido no Jornalismo! Serei sempre grato!

Se vocês perceberam, em nenhum momento disse de meu site. Terminar o artigo sem citá-lo, seria até um pecado e um anti-marketing que eu mesmo faria contra meu site: Obrigado a todos que estão fazendo do www.oberekando.com.br um sucesso! Leia, acesse e divulgue www.oberekando.com.br