ONLINE
12




Partilhe esta Página

ACITEL

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Telêmaco vence três de cinco partidas no vôlei
Telêmaco vence três de cinco partidas no vôlei

Delegação levou cinco modalidades para o I Grand Prix de Vôlei de Castro

 

A contabilização do dia de Telêmaco Borba no I Grand Prix de Vôlei de Castro teve três vitórias em cinco partidas disputadas pela delegação.

Assim foi a rodada de sexta: Feminino sub13 venceu em 2x0 o Círculo Militar. O Feminino  sub15 obteve idêntico placas frente ao Cambé. Já o Masculino sub15 foi derrotado em 2x0 por Ponta Grossa, obtendo o mesmo placar e para mesma cidade o sub17. Esta equipe, porém, reverteu sua situação no segundo jogo, devolvendo os 2 a zero, mas em cima de Pinhais, marcando um dia positivo para a cidade. A competição tem prosseguimento neste fim de semana, encerrando-se no domingo.

História: Por pouco Telêmaco não foi sede da Liga de Vôlei quando ela foi criada

 Castro representa o retorno da Prefeitura na LVPR nas categorias de base, numa junção de esforços de profissionais professores Neri Mangoni, Aldori Gaudencio, como voluntarios, além de Sergio Poyng e Ovidio Gomes Ribeiro Junior. A Liga "Sul Norte" mais tarde, LVPR, foi Criada em 2007 pelo prof Helio Saldanha (Pirai do Sul) e Neri (T. Borba). Neri convidou cidades da região para fundar a liga regional Sul Norte Pioneiro de Voleibol, com sede em T. Borba. Como não obteve apoio da prefeitura na ocasião, nova reunião foi realizada em Pirai do sul e instalada lá a sede, ficando como presidente Helio Saldanha e vice Neri Mangoni. No ano de 2000 a Liga tornou-se independente da federação, passando para LVPR. Com a entrada na vida pública Neri se afastou da diretoria e Helio mantem-se até hoje como presidente. A Liga é a maior referencia no Estado em voleibol como voleibol de formação e competição.      A Liga de Voleibol do Paraná criada em 2000 teve a iniciativa de criação pelo professor Neri Mangoni, convidando cidades da região para uma reunião em T. Borba para ter a sede nesta cidade. Não obtendo apoio do município na época para a ideia, uma nova reunião foi promovida em Pirai do Sul, com oito municípios. Deu-se lá então a  criação, e ficou como primeiro presidente Helio Saldanha da cidade sede e como vice Neri Mangoni de T. Borba. A liga cresceu e se firmou como principal competição da modalidade no estado, por agregar um trabalho de formação nas várias categorias. Helio mantém-se na presidência e o professor Neri ausentou-se desde seu ingresso na vida pública, tendo sido eleito vereador, no caso, reeleito e em exercício de mandato atualmente. Telêmaco tem 112 troféus conquistados com gerações passadas sob comando do técnico Neri, auxiliado por Hecilio e Sérgio Poyng. Neste retorno das categorias de base à LVPR o secretário de Esportes telêmacoborbense,  João Alfredo Tibúrcio Netto, o professor Keko, disse já conhecer bem "a filosofia de trabalho e a seriedade de Neri" que vem acompanhado do trabalho voluntário do professor Aldori. Por todas essas razões, a Secretaria de Esportes renovou o contrato com a Liga "no intuito de retornar para promover e incentivar mais adeptos a está modalidade", explicou o técnico. “Na verdade precisamos de um tempo de uns três anos de participação e trabalho de formação na base para nos igualarmos novamente às principais equipes dos vários municípios participantes nesta liga", concluiu Mangoni.

Veja também:

Tabela completa na matéria: I Grand Prix de Vôlei de Castro