ONLINE
11




Partilhe esta Página

DFF

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Compartilhar e Klabin trazem clínica de Minivôlei
Compartilhar e Klabin trazem clínica de Minivôlei

Evento se deu nessa quinta no Wolff e reuniu TB e região

D

2017-09-14 às 19:02:23) Acadêmicos e profissionais de educação física se reuniram no Colégio Estadual Wolff Klabin nesta quinta-feira, onde participaram da Clínica de Minivôlei, sendo uma ação que faz parte do projeto Vôlei em Rede – Núcleos Paraná, patrocinado pela Klabin.

A ação reuniu acadêmicos e profissionais de educação física de Telêmaco e região, para participar de aulas teóricas e práticas sobre a metodologia “Compartilhar” de iniciação ao voleibol, que prioriza a transmissão dos valores do esporte e não somente a formação de atletas, além de conceitos básicos do esporte e como os professores podem utilizá-los nos treinamentos e aulas. O objetivo é demonstrar a eficiência da introdução da modalidade aos participantes por meio do minivôlei, ao permitir o contato com a bola, acelerando o aprendizado.

SS

Diretora do Wolff, a professora Irene Belik disse que quanto à instituição, o mérito é do professor Gilson Luiz de Carvalho, que vem realizando todo um trabalho com 60 alunos pela metodologia do Compartilhar. “O mérito é todo dele, que está recebendo a equipe. Esta é a forma de valorizar o professor dentro da sala de escola”.

Caroline Pabis, analista de comunicação do Instituto Compartilhar, de iniciativa de um dos mais importantes jogadores de Vôlei do Brasil, e técnico da Seleção Brasileira, Bernardinho, falou a Oberekando.

 

PROJETO VÔLEI EM REDE – NÚCLEOS PARANÁ

O projeto Vôlei em Rede - Núcleos Paraná está presente em 17 municípios (Curitiba, Campo Largo, Cascavel, Cianorte, Cornélio Procópio, Francisco Beltrão, Guarapuava, Guaratuba, Londrina, Maringá, Ortigueira, Pato Branco, Pitanga, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Toledo e Ribeirão do Pinhal). Atende cerca de 1,8 mil crianças e adolescentes, 600 somente na capital. Além do Governo do Paraná, por meio das Secretarias do Esporte e do Turismo e da Educação, e da Unilever que dão suporte às atividades esportivas desde 1997, o projeto conta com a parceria da Klabin e o apoio da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), todas via Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte.

s  d

 

LEIA TAMBÉM:

BERNARDINHO LANÇA VÔLEI EM REDE EM TB