ONLINE
11




Partilhe esta Página

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

D

S

C

S

S

S

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


ESCOLAS MIL: NRE/TB terá 17 escolas reformadas
ESCOLAS MIL: NRE/TB terá 17 escolas reformadas

De Telêmaco, sete delas estão incluídas no programa do Governo do Paraná

s

2016-08-29 às 12:55:16) A chefe do Núcleo Regional de Educação de Telêmaco Borba, professora Sueli Aparecida Martins, recebeu o Site Oberekando na manhã desta segunda-feira, onde a pauta fora o projeto do Governo do Estado do Paraná, Escolas Mil. Por este, que será lançado oficialmente no dia 27 de setembro, 1000 (Mil) escolas receberão 100 mil reais cada, para as reformas necessárias. O Estado possui um total de 2100 delas. Na jurisdição de Telêmaco, com sete cidades e 50 escolas assistidas, serão 17 beneficiadas, e especificamente nesta cidade, sete delas, sendo: ESCOLAS ESTADUAIS Padre José de Anchieta, Marcelino Nogueira, e Nossa Senhora de Fátima. COLÉGIOS ESTADUAIS Professor Custódio Netto, Gregório Teixeira, Maria Aparecida Militão de Souza Pereira, e Wolff Klabin.

Ela disse que em sua totalidade, quase que todas as instituições passaram ou por este projeto, passarão por reformas, pois isso se deu também pelo programa “Verba Descentralizada”, que destinou 150 mil a cada instituição, a exemplo do que aconteceu com a telêmacoborbense, Presidente Vargas.

 

s

AUDIÊNCIAS PÚBLICAS

Para que se definisse os anseios da comunidade escolar, sobretudo pais e alunos, no que se espera das prioridades em termos de reforma, estão acontecendo as audiências públicas. Hoje, aliás, essa etapa será concluída neste município, com o evento em duas instituições: no Colégio Wolff, localizado na área central, e também nas Cem Casas, com a Escola Nossa Senhora de Fátima. “Percorremos as escolas e vimos as necessidades. Fizemos uma análise totalmente técnica e a comunidade está escolhendo como e onde serão feitas essas reformas”.

 

CONSCIENTIZAÇÃO NO BEM CUIDAR

Um problema que é febril em todo Brasil, a depredação dos prédios públicos, seja com atos de vandalismo, como roubo e invasões, é algo a que o NRE pede a toda a comunidade que se torne vigilante, no sentido de veementemente coibir.

Desde janeiro deste ano, já foram seis escolas que sofreram com invasões, sejam com pichações, quebras de portas, roubos, e merendas jogadas e destruídas. “Escola é patrimônio público e convidamos a comunidade para que possa nos ajudar a tomar conta”, pediu Martins, como forma de que se conserve as reformas que serão e as que já foram feitas.

 

EDUCAÇÃO = FAMÍLIA + ESCOLA

A chefe do NRE citou também que a educação na escola é a formal, e que a educação, literal, é aquisição de berço e que vem do seio familiar. Dando ênfase a importância do acompanhamento dos pais e responsáveis na vida dos estudantes, lembrou: “É muito mais fácil cobrar dos filhos hoje, do que no futuro, estar chorando!”.

Relacionado ao final de ano, e o ensejo da promoção dos filhos em relação à séries escolares, Sueli, que também é mãe e avó, e compreende a correria da vida moderna, e de como as tecnologias de forma voraz, - mesmo que reconhecendo sua importância, roubam por vezes o tempo e até mesmo o papel entre pais e filhos, e pede que especialmente agora, os pais estejam mais atentos ao acompanhamento da vida escolar deles.

 

Leia Também:

CONHEÇA AS VITÓRIAS DA AVTB E A PATROCINE VOCÊ TAMBÉM